Fundação Palmares marca presença no Bembé e parabeniza resistência de Santo Amaro

Publicado em: 16/05/2017 - 14:46:21
Fundação Palmares marca presença no Bembé e parabeniza resistência de Santo Amaro

Nesse sábado (13) a Fundação Cultural Palmares por meio do seu presidente, Erivaldo Oliveira, marcou presença na festa do Bembé do Mercado 2017 inclusive por meio de parceria com a prefeitura apoiou oficialmente o evento. Na ocasião a fundação lançou o projeto “Conhecendo Nossa História: Da África ao Brasil”. Erivaldo que é santoamarense fez questão de prestigiar o Bembé e deixar a cidade na rota das ações da fundação. O presidente garantiu ainda novidades para Santo Amaro durante o seu mandato frente a Fundação Palmares.

A Fundação tem o comprometimento com o combate ao racismo, a promoção da igualdade, a valorização, difusão e preservação da cultura negra. A entidade luta pela Cidadania no exercício dos direitos e garantias individuais e coletivas da população negra em suas manifestações culturais. Além disso, a fundação luta pela Diversidade no reconhecimento e respeito às identidades culturais do povo brasileiro.

Projeto “Conhecendo Nossa História: Da África ao Brasil”

O projeto “Conhecendo nossa história: da África ao Brasil”, piloto na Fundação Cultural Palmares, busca disseminar o conhecimento sobre a história e cultura do continente africano e dos afro-brasileiros, contribuir para a educação das relações étnico-raciais e valorizar/assegurar o respeito à diversidade, tendo a educação e a cultura como instrumentos decisivos para a promoção da cidadania e eliminação das desigualdades. O projeto contempla duas publicações: o livro “O que você sabe sobre a África? Uma viagem pela história do continente e dos afro-brasileiros” e a revista temática customizada pedagógica denominada “Coquetel”.
A finalidade do projeto é levar conhecimento para alunos de escolas públicas sobre as contribuições do continente africano na construção da identidade e desenvolvimento nacional. Também colabora para uma maior conscientização por parte dos estudantes sobre a necessidade de respeitar as diferenças, além de propor o combate ao racismo, preconceito, discriminação, questões estas ainda tão presentes na sociedade brasileira. O projeto irá contemplar cada aluno participante com um kit contendo as duas publicações mencionadas.

A proposta é disseminar um material paradidático que passeia pela trajetória de enorme riqueza do continente africano chegando ao Brasil, no qual o objetivo é, sem abandonar o rigor do conteúdo, encantar e despertar o estudante para a necessidade de conhecer a sua própria história, livre das limitações de um conhecimento colonizado.

PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM:

Bembé do Mercado comemora 128 anos de resistência em Santo Amaro
Bembé do Mercado comemora 128 anos de resistência em Santo Amaro
Prefeitura e UNILAB realizam ações em comemoração ao II Festival de Culturas
Prefeitura e UNILAB realizam ações em comemoração ao II Festival de Culturas
20ª Companhia Independente da Polícia Militar de Santo Amaro troca de comando
20ª Companhia Independente da Polícia Militar de Santo Amaro troca de comando
Problema de abastecimento de água em Nova Conquista é solucionado
Problema de abastecimento de água em Nova Conquista é solucionado
Prefeitura recebe do DNOCS um trator para agricultura familiar
Prefeitura recebe do DNOCS um trator para agricultura familiar